Como a velocidade do seu site imobiliário tem impacto nas vendas?

Como a velocidade do seu site imobiliário tem impacto nas vendas?

Você já sabe que há várias formas de promover sua imobiliária na internet e uma delas é fazendo com que seu site seja encontrado mais facilmente pelos motores de busca do Google. Para isso é preciso dotá-lo de critérios que indexem o ranqueamento, a maioria deles relativos ao conteúdo, como URL amigável, informações originais, relevantes e atualizadas e palavras-chave bem colocadas.

Nos últimos anos, no entanto, um novo item passou a fazer parte desse conjunto: a velocidade de carregamento das páginas. Ainda que não se tenha a exata noção do peso dessa regra no algoritmo de busca, na prática ele tem gerado um impacto bastante representativo nos resultados de busca – e, automaticamente, na captação de clientes e nas vendas de imóveis.

Compreendendo o porque do critério de velocidade do site 

Ao longo dos anos o Google busca melhorar cada vez mais a experiência de pesquisa do usuário, procurando reunir em seu algoritmo alguns determinantes para a qualidade do produto, neste caso, o site imobiliário. Por outro lado, se a experiência do usuário é melhor com um site rápido, a do Google também é, lendo- o mais rapidamente e mais rapidamente fazendo a indexação das páginas de pesquisas, com um maior número de sites indexados.

Por outro lado, se a maior parte da receita do Google é proveniente dos anúncios e  a quantidade de investimentos é diretamente proporcional à qualidade dos sites, é claro que o Google trata a questão com muita relevância. E faz sentido: a maioria dos usuários simplesmente fecha as páginas que demoram muito para carregar – e vão embora para outra.

O mundo da internet tem que ser ágil, rápido e prático e alcançar o maior número possível de pessoas. Daí vem também a importância dos sites responsivos, aqueles que são produzidos de forma a abrir de forma eficiente e rápida em todas as mídias digitais além de PCs e notebooks, como smartphones e tablets.

Para o usuário: mais conforto e credibilidade na marca 

Para os usuários, a velocidade do site empresta mais credibilidade à empresa ou empreendedor e reforça o profissionalismo da marca, mas também significa mais conforto. Afinal, já vai longe o tempo da internet discada em que o mundo virtual se movia a uma velocidade de lesma perto dos múltiplos MegaBytes de hoje – e mesmo assim tem sempre gente reclamando. Então imagine quando uma página demora a carregar? Como há na rede uma gama imensa de pessoas oferecendo os mesmos produtos ou serviços, é preciso se destacar ganhando a “simpatia” do usuário e do motor de busca.

Já há algum tempo algumas empresas têm percebido o quão lucrativo pode ser investir na velocidade de carregamento dos sites para impactar as vendas. A Walmart foi uma delas, e acabou se tornando um case de sucesso. A empresa percebeu que o seu era o mais rápido dos sites de varejo, mas em vez de apenas ficar feliz com a posição de destaque, decidiu melhorar ainda mais a sua velocidade – e acabou descobrindo que para cada 1 segundo em que o carregamento era otimizado a sua taxa de conversão crescia 2%: em cada 100 ms (milissegundos) otimizados a receita aumentava 1%. Uma verdadeira mina de ouro para as vendas.

Seu site está lento? Veja o que pode estar havendo de errado 

Logo, é preciso compreender que o inverso também se aplica, havendo queda na conversão de páginas lentas, inclusive pelo próprio abandono das mesmas pelos usuários que decidem não esperar o carregamento. Mas como aumentar a velocidade do seu site imobiliário? O que pode estar sendo feito de errado?

Basicamente, há alguns fatores que tendem a deixar as páginas mais lentas, alguns deles são os plugins. Os sociais, por exemplo, são uma ótima forma de captar mais clientes pelas redes sociais, mas pesam muito, sendo verdadeiros vilões do carregamento. A dica, então, é não usá-los em todas as páginas, apenas nas principais. Por outro lado, ainda hoje há quem use a tecnologia Flash, que não é responsiva, ou seja, não funciona na maioria dos smartphones, o que acaba penalizando-os nos algoritmos do Google.

Cuidado com a colocação de imagens 

Outra questão que prejudica o carregamento é o uso inadequado de imagens. É fundamental que um site imobiliário tenha uma boa quantidade de imagens de cada imóvel e que estas sejam de bom tamanho e ótima resolução, mas elas devem ser devidamente comprimidas, sem perder qualidade, para não prejudicar o nem o seu próprio carregamento nem o das páginas nas quais estão inseridas. Você pode compreender melhor os mecanismos de aceleração das páginas no Google PageSpeed Insights.

A melhor dica, portanto, é montar ou migrar seu site para um software para imobiliária que tenham plataformas já otimizadas e com tecnologia compatível às expectativas do Google, de forma que seja mais fácil otimizar suas páginas com medidas simples e que tenham impacto positivo nas suas vendas.

Você tem outras dicas para otimizar os carregamentos das páginas e impactar as vendas de imóveis? Qual a sua experiência? Conte para a gente aqui nos comentários!

Comentários

Posts Relacionados