Compra fracionada de imóveis, como funciona?

Compra fracionada de imóveis, como funciona?

O mundo está mudando e com ele o mercado imobiliário. A economia colaborativa aumenta cada vez mais e está fazendo com que haja uma reavaliação da forma como as propriedades são vistas. A compra fracionada de imóveis é um dos mais novos resultados dessa mudança. A modalidade está em franco crescimento no país e abre um novo leque de oportunidades para corretores.

A compra fracionada de imóveis é uma nova proposta em cima do conceito de posse de um bem. Dessa forma, várias pessoas compartilham a propriedade de um único imóvel através de frações e adquirem o direito de utilizar esse bem por determinado tempo do ano proporcional à fração adquirida.

Por outro lado, todo o processo é totalmente legal. A propriedade é escriturada e tem todas as garantias de um imóvel comum, como revenda, aluguel e transmissão para herdeiros.

Veja como funciona, conheça as vantagens da compra fracionada de imóveis e descubra como trabalhar esse novo e promissor nicho do mercado.

Compra fracionada de imóveis para veraneio e segunda propriedade

Trabalhar com a compra fracionada de imóveis para veraneio é uma das boas oportunidades de negócios para o corretor. A ideia tem feito sucesso e não é de se espantar. Afinal, não são poucas as pessoas que reclamam dos gastos da casa de praia ou de campo quando não está em uso.

Todo corretor sabe que os custos do imóvel ocioso são significativos, como condomínio, manutenção e mesmo com segurança. Por isso esse é bom ponto a ser trabalhado, já que na compra facionada de imóveis isso não acontece.

Os custos são rateados entre os proprietários e a subutilização é praticamente inexistente, havendo uma espécie de rodízio predeterminado entre os proprietários durante o ano.

Compra fracionada de imóveis, como funciona?

Mais facilidade para usufruir de um imóvel de maior valor

Por outro lado, a compra fracionada de imóveis reduz o impacto do custo, mas permite que o proprietário adquira uma propriedade de alto padrão, com diversos serviços agregados.

Assim, é possível ser proprietário de uma casa de veraneio ou segundo imóvel com uma qualidade muito mais elevada do que conseguiria caso comprasse sozinho.

Isso sem falar que, como serão multiproprietários, os imóveis já vêm prontos, equipados e decorados, eliminando as despesas com a montagem do espaço para uso.

Outro ponto que o corretor deve ressaltar é o alto padrão dos imóveis. Geralmente são empreendimentos que contam com uma grande infraestrutura de lazer e serviços, como camareira, restaurantes, bares, oficinas, academias, salões de beleza, etc.

Parceria permitem intercâmbio entre imóveis

O corretor também deve ressaltar um diferencial de algumas iniciativas. Muitos empreendimentos têm firmado parcerias com grandes redes nacionais e internacionais. Dessa forma, é possível fazer uma espécie de intercâmbio entre as propriedades de regiões diferentes caso o proprietário tenha interesse.

Ou seja, dependendo da empresa, na compra fracionada de imóveis não é preciso ir sempre para o mesmo lugar. Pode haver a possibilidade de revezar o local de férias ao longo dos anos, dependendo do empreendimento adquirido e respeitando as regras determinadas para esse intercâmbio.

Compra fracionada de imóveis, como funciona?

Compra fracionada de imóveis para gerar renda

A geração de renda é outro filão que pode ser explorado pelo corretor através da compra fracionada de imóveis. Mas é preciso atenção, porque nem todos permitem o aluguel do espaço para terceiros, permitindo apenas o empréstimo informal para amigos e parentes.

Por outro lado, já existem empreendimentos para compra fracionada criados especialmente para este fim. Inspiradas no já bastante comum compartilhamento de ativos de alto padrão, como aviões, helicópteros e barcos, por exemplo) várias construtoras estão apostando nesse nicho lucrativo.

Assim, é possível comprar uma ou mais frações do imóvel e ter uma renda mensal na mesma proporção.

Como funciona

A fração do imóvel pode ser comprada à vista ou parcelada e, após a entrega das chaves, a própria incorporadora se encarrega do aluguel mensal ou diário do imóvel.

Porém vale ressaltar que, nesse caso, o imóvel é destinado exclusivamente para locação. Caso o proprietário queira fazer uso do mesmo deve comprar 100% do imóvel ou locar como qualquer outro locatário.

O modelo é bem parecido com o de um investimento em fundos imobiliários, os FII, no qual você compra uma cota e tem renda sobre o valor investido.

Nesse caso, a renda líquida do aluguel do imóvel adquirido através da compra fracionada será distribuída proporcionalmente entre os proprietários.

Uma grande vantagem é que não há risco de desvalorização, como ocorre nos FII. Além disso, várias empresas garantem o distrato, ou seja, a recompra da fração caso o investidor se arrependa do negócio após as chaves. A devolução do valor costuma ser feita integralmente, com juros e correção monetária.

A compra fracionada de imóveis é nova, mas está crescendo de forma promissora no mercado. Conhecendo bem o assunto e tendo um bom sistema imobiliário como suporte, o corretor pode otimizar o fechamento de negócios oferecendo a modalidade para o público certo.

Venha conhecer o Imobzi e descubra como o sistema mais completo do mercado pode ajudar você, corretor, a alavancar suas vendas nesse novo nicho!

Comentários

Posts Relacionados