Sistemas de franquias no mercado imobiliário

Sistemas de franquias no mercado imobiliário

Ser um corretor autônomo tem suas vantagens, como fazer sua própria estratégia de trabalho e evitar gastos com espaços físicos, por exemplo. No entanto, para muitos profissionais ter uma imobiliária é uma ótima chance de crescimento. E uma forma de conseguir isso é através das franquias no mercado imobiliário.

Na verdade, as franquias no mercado imobiliário não são um assunto novo. Assim como as demais franquias empresariais, inicialmente elas foram regulamentadas pela Lei 8.955/94, revogada e substituída há cerca de dois anos pela Lei 13.966/2019.

No entanto, as oportunidades estão cada vez mais variadas no setor e merecem um olhar mais atento de quem quer expandir seus negócios.

Veja como funcionam as franquias no mercado imobiliário e descubra se você tem o perfil de um verdadeiro corretor empreendedor!

Como funcionam as franquias no mercado imobiliário?

Basicamente, as franquias no mercado imobiliário funcionam como em qualquer outro ramo de negócio.

Mas para compreender sem erro é interessante estar familiarizado com alguns termos:

  • VGV – É o Valor Geral de Venda. No caso de uma franquia imobiliária, é o valor potencial de venda de todos os imóveis disponíveis na rede da franquia. Quanto maior o VGV, maior o faturamento do franqueado;
  • Royalties – É o valor pago pelo franqueado mensalmente ao franqueador. Esse valor pode ser fixo ou um percentual sobre o faturamento da franquia;
  • Taxa de franquia – Valor pago no início da contratação da franquia para ter o direito de uso da marca;
  • Prazo de Retorno – Tempo estimado que o franqueado deve ter o retorno do seu investimento;
  • Faturamento médio – É o valor aproximado que a franquia deve render ao franqueado;
  • Investimento – É o valor inicial que deve ser pago para o franqueador;
  • Franqueado – É a pessoa autorizada a explorar a marca;
  • Franqueador – É a empresa que detém a marca.

Sistemas de franquias no mercado imobiliário

Agora que você já conhece os principais termos, é hora de saber como funciona a logística das franquias no mercado imobiliário.

Na hora de abrir uma imobiliária, o corretor pode criar sua própria marca claro, mas também pode aderir a uma marca que já tem um nome no mercado nacional ou mesmo internacional.

Neste caso ele pode optar pelo sistema de franquias, conseguindo uma licença para operar utilizando determinada marca.

Dessa forma, ele vai se beneficiar também do nome que a marca já te no mercado, além de toda a sua estratégia de crescimento e divulgação.

Assim, o franqueado passa a ter direito também ao know-how da marca, sua infraestrutura e ainda um direito exclusivo de distribuição.

Na maioria das vezes os franqueadores do mercado imobiliário também oferecem treinamento, materiais de apoio, suporte tecnológico e administrativo.

Qual o retorno do franqueador?

A verdade é que o sistema de franquias no mercado imobiliário pode ser um ótimo negócio tanto para o corretor que se torna franqueado quanto para o franqueador.

O franqueador ganha suporte, conhecimento, um nome já consolidado no mercado como marca e, muitas vezes já uma carteira de imóveis e de clientes.

Tudo isso mediante um investimento, claro, que vai variar de acordo com a marca. Este valor pode até ser maior do que o inicial para abrir uma imobiliária de marca própria.

Entretanto os riscos são bem menores, justamente por já contar com toda uma infraestrutura testada e consolidada no mercado. De acordo com o IBGE, apenas 5% das franquias fecham as portas nos 3 primeiros anos de vida. Entre as empresas não-franqueadas, este índice é quase 50%: 48 em cada 100.

Por sua vez, franqueador também tem muitas vantagens com o sistema de franquias no mercado imobiliário.

A empresa franqueadora expande sua marca e ainda recebe os royalties mensalmente. Além disso, ela está apostando no seu crescimento.

Com os franqueados é possível criar uma rede de atendimento que pode se estender regionalmente, nacionalmente ou mesmo internacionalmente.

Sempre mantendo um controle do padrão de qualidade de atendimento, segundo o qual o franqueado precisa se enquadrar.

Sistemas de franquias no mercado imobiliário

Conheça algumas franquias do mercado imobiliário

Para ter uma ideia de como funcionam as franquias no mercado imobiliário, mostramos 3 marcas com perfis diferentes.

1 – Uma delas é a Paulo Roberto Leardi. Com um investimento a partir de R$ 35 mil e taxa de franquia a partir de R$ 15 mil, o interessado tem acesso a mais de 400 mil imóveis cadastrados.

Os royalties são de 10% para um faturamento médio mensal estimado em até R$ 120 mil. O prazo de retorno do investimento é de 15 meses.

2 – Outra disponível no mercado é a norte-americana Remax, fundada na década de 70 em Denver. No Brasil desde 2009, já são quase 5 mil corretores empreendedores associados à marca, com mais de 380 franquias abertas em território nacional.

O investimento a partir de R$ 80 mil com taxa de franquia de R$ 40 mil tem royalties de 4% do faturamento bruto e 24 meses de prazo de retorno.

Esta franquia oferece apostila de treinamento, acesso à universidade Remax e tecnologia integrada entre franqueados.

3 – Já a Lopes é uma das imobiliárias mais influentes de São Paulo, há mais de 85 anos no mercado. No total já são mais de 100 lojas também no Rio de Janeiro, Minas Gerais Bahia, Espírito Santo, Distrito Federal, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Além disso, a empresa é responsável pelo lançamento de 80% dos principais incorporadores do país. Quem se interessar pode ser um franqueado da marca com um investimento a partir de R$ 150 mil, com VGV de R$ 1 bi, mais de 250 mil móveis à disposição e média de 500 mil visitas mensais.

Sistemas de franquias no mercado imobiliário

Outros modelos de franquias

No entanto, o sistema de franquias no mercado imobiliário não serve apenas para quem quer abrir uma imobiliária. Uma das mais novas oportunidades é para a criação de coworkings.

O coworking ganhou uma força imensa com a flexibilização da jornada de trabalho e a adoção em massa do home office pelas empresas por causa da pandemia.

Hoje estes espaços compartilhados já representam 80% da preferência de empreendedores, mas a oferta de coworkings bem estruturados ainda é pequena, principalmente em locais afastados dos grandes centros.

Neste sistema de franquia no mercado imobiliário o franqueador oferece uma estrutura de suporte já consolidada e uma carteira de clientes. Uma das empresas que estão apostando no nicho é a IWG, uma das maiores fornecedoras de espaços de coworking do mundo.

Cabe então ao corretor descobrir qual o modelo de franquias no mercado imobiliário é o melhor para expandir seu negócio.

Não esqueça que contar com um boom sistema para corretores e imobiliárias é fundamental para alavancar suas vendas.

Venha conhecer e experimentar gratuitamente o Imobzi por 15 dias e crie muito mais oportunidades de sucesso para a sua empresa!

Comentários

Posts Relacionados